19 de novembro de 2008

Testamento...

oundry

Desde sempre que me interesso por publicidade, sempre gostei de ver anúncios de televisão, claro que apenas os bons... A publicidade tem um efeito nas pessoas maior do que aquilo que julgamos. Não falo só dos grandes spots publicitários que custam milhões, falo daquelas campanhas que com pouco dinheiro nos transmitem uma mensagem cirúrgica, que nos toca lá no sítio onde é suposto tocar. É sem dúvida assim que caracterizo a nova campanha da Liga Portuguesa Contra a Sida. Uma campanha sublime sem dúvida, com a qual é impossível ficar indiferente. Aqui fica a mensagem.

"--- Testamento ---

À minha mãe, eu deixo um quarto mais arrumado,

meias limpas e um lugar vazio à mesa.

Ao meu avô eu deixo o nosso clube com menos um adepto,

e ao meu pai, menos uma chance de vir a ser avô.

Ao meu irmão eu deixo um abraço, para quando ele se formar

e for o médico que eu não consegui ser.

À minha irmã eu deixo um diário com algumas páginas em branco.

Aos meus inimigos, eu deixo a oportunidade

de me terem conhecido melhor.

Aos meus amigos eu deixo menos um amigo.

À minha namorada, eu deixo um pedido de desculpas.

E a si, eu deixo um conselho: use preservativo."

Sem comentários:

Enviar um comentário